ARTE DE RESGATAR O INTERESSE DO CLIENTE

ASAA4

Quem disse que o marketing é apenas uma ferramenta de divulgação e atração de novos consumidores?

O marketing digital, destinado a lojas virtuais, vai muito além dessa funcionalidade. No e-commerce, as campanhas de marketing têm o poder de resgatar o interesse de um cliente que saiu do empreendimento sem comprar nada, deixando o carrinho abandonado.

É exatamente isso, o que revela um estudo da Listrak com as 1.000 maiores lojas virtuais do ranking do Internet Retailer: em 2012, o total de empreendimentos que buscam o retorno do consumidor através de e-mails marketing “pós-abandono” foi ampliado em 30%.

Os benefícios de buscar o cliente. Entre os benefícios de insistir no consumidor, está o fato de o cliente não se esquecer de sua empresa e, se ele simplesmente estiver em dúvida quanto comprar ou não comprar, o e-mail pode dar uma ‘forcinha’ para que ele volte e finalize a negociação.
O momento certo de enviar o e-mail. Segundo outro estudo, desenvolvido pela SeeWhy em 2011, quando o e-mail “pós-abandono” é enviado em um intervalo curto, logo após a desistência, a receita gerada pelo retorno é de 150% maior do que e-mails enviados 24 horas depois e, garantem uma recuperação de 30% dos carrinhos.
O que deve constar no e-mail? No e-mail de recuperação deve constar, como regra, os produtos deixados para trás. A prática de ofertar promoções e descontos nesses e-mails está caindo, justamente porque tal contato se identifica mais como um lembrete para que o cliente retorne à loja virtual.
Os resultados de resgatar o interesse do consumidor. Além de conquistar a conversão, a volta do cliente por e-mail gera, também, maiores faturamentos. A pesquisa da SeeWhy (2011), destacou que após receberem e-mails convidativos, os clientes que abandonaram seus carrinhos, voltaram e gastaram, em média, 55% a mais do que os consumidores que compram de primeira.
O abandono de carrinhos acontece de forma comum no e-commerce, contudo, insistir no retorno do consumidor pode não apenas garantir uma negociação satisfatória como, também, destacar o valor do seu empreendimento, despertando no cliente o interesse de manter-se fiel.

 

FONTE: Administradores